Diadorim distribui 100 camisetas para Parada Gay da Bahia: só até hoje (05)

Danilo Oliveira
Núcleo de Jornalismo
Assessoria de Comunicação/UNEB

Reprodução da camiseta criada por Marcos Bokapiu e George Chaves

Envolvido ativamente, desde 2006, com a promoção de atividades durante a Parada Gay da Bahia, o Núcleo de Estudos de Gênero e Sexualidades (Nugsex Diadorim), vinculado à Pró-Reitoria de Extensão (Proex) da UNEB, se prepara para a 11ª edição do evento, que acontece no próximo domingo (9).

Neste ano, o núcleo está distribuindo 100 camisas temáticas sobre enfrentamento à violência homofobica (foto home), projeto financiado pelo Ministério da Educação (MEC), e vai colocar ainda, pela sexta oportunidade, o trio elétrico da universidade nas ruas do centro antigo de Salvador onde acontecerá o desfile do evento.

Os interessados em adquirir a camiseta — criada pelo estilista e integrante do Diadorim, Marcos Bokapiu, em parceria com o estudante de design da UNEB George Chaves — devem fazer contato telefônico com o núcleo, a partir desta quarta (5), para solicitar a reserva da peça. A entrega da camiseta será feita no dia seguinte (6), das 13h às 17h, no próprio Nugsex, localizado na sede da Proex, no bairro do Imbuí, na capital.

“Nesta edição da parada, vamos colocar novamente em prática as ações sociais da UNEB, no que diz respeito à promoção de políticas públicas e de iniciativas de enfrentamento à violência homofóbica em todo o estado”, destaca o coordenador do Diadorim, Marco Martins.

Marcos Martins (Diadorim) espera que a comunidade da UNEB vista-se contra a homofobia na Parada Gay
Segundo o coordenador, “nossa expectativa é de que os estudantes, professores e funcionários da UNEB, além de participarem da parada, vistam-se contra a homofobia durante o percurso do trio na parada”. Ele reforça: “O bloco não é do Diadorim, mas sim da universidade”.

“A homofobia está fora de moda”
Com o tema Protesto, cultura e diversão em Salvador, capital da alegria, a 11ª Parada Gay da Bahia reserva em sua programação seminários, peças de teatro, shows, concurso do Mister Gay e Miss Bahia Gay, feira cultural e de negócios.

As atividades tiveram início desde o último sábado (1º) e continuam até domingo, com o desfile dos trios elétricos.

“Participamos desde a edição de 2006 da parada. A educação para o combate à homofobia ainda se faz necessária e urgente. A homofobia está fora de moda. Respeito ao outro é preciso”, ressalta Marco Martins.

Coordenada pelo Grupo Gay da Bahia (GGB), a Parada Gay, que objetiva promover a discussão sobre os direitos da comunidade LGTB, tem atraído milhares de pessoas às ruas a cada edição.

Informações: Nugsex Diadorim – tel. (71) 3371-0107 (ramal 215).

Anúncios

Sobre secdiadorim

Núcleo de Estudos de Gênero e Sexualidade da UNEB
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.